quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Não se Contente com Menos





“Corram de tal maneira que… possam vencer.”
 (1 Coríntios 9:24)

Você já se mudou para uma casa nova e fez uma lista de todas as pequenas coisas que precisava fazer, como retocar a pintura ou plantar um jardim? É provável que seis meses depois elas ainda não tenham sido feitas e que você nem ligue mais para isso.

O conformismo faz parte da psique humana. Os filhos de Israel se acostumaram tanto a viver em cativeiro que ficaram zangados quando Moisés quis libertá-los. “Esperamos que o Senhor possa puni-lo… por fazer com que Faraó e seus oficiais nos odeiem…” (Ex 5:21). Quando você se acostuma tanto a conviver com os seus problemas que perde o desejo de vencê-los, o inimigo conseguiu levá-lo exatamente ao ponto que ele queria.

Você já se perguntou porque alguns de nós seguem em frente e experimentam maiores alturas e profundidades na nossa caminhada com Deus, enquanto outros andam em círculos ou nunca saem do ponto de partida? Isto acontece porque o primeiro grupo se comprometeu em buscar a Deus até que Sua presença se torne uma realidade em suas vidas - e Deus honrou o compromisso deles.

Paulo disse: “Corram de tal maneira que... possam vencer”. Se você ficou meio morno e perdeu o entusiasmo para continuar correndo, Deus quer renovar a sua energia e trazê-lo de volta às pistas.

A Sua Palavra diz: “Voltai para Mim… e Eu voltarei para vós” (Zacarias 1:3). Nesta passagem, Deus está nos dizendo: “Dêem a volta. Voltem, e vocês me encontrarão no lugar onde Me abandonaram”.

Não se contente com menos do que um relacionamento vivo e palpitante com o próprio Rei dos Reis, um relacionamento que inclui andar ao Seu lado e falar com Ele, pois isto é parte da sua herança.

"... Moisés gastou 40 anos pensando que era alguém, 40 anos aprendendo que não era ninguém e 40 anos descobrindo o que Deus pode fazer com um NINGUÉM..."

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Confiança Diante dos Ardis




“Não temas, crê somente” (Marcos 5:36).

Um viajante estava caminhando em uma estrada, sozinho, e foi atacado por bandidos que lhe roubaram tudo o que tinha.  Eles o levaram para dentro de uma floresta.  A escuridão da noite não permitia que se visse nada.  Em um determinado instante, eles prenderam uma corda em um galho bem alto de uma árvore e, levantando o viajante, o fizeram segurar em uma de suas pontas.  Logo a seguir, empurraram seu corpo que ficou balançando no ar de um lado para o outro.  Disseram-lhe que estava agora pendurado sobre um grande precipício.  Caso conseguisse se soltar da corda, cairia de uma grande altura e se quebraria todo nas pedras lá embaixo.

Logo a seguir o deixaram e foram embora.  Seu coração estava acelerado e sua alma em grande pavor pela situação em que se encontrava.  Ele se agarrou desesperadamente quando a corda parou de balançar.  Os terríveis momentos a seguir lhe diziam que seu destino estava traçado.  Suas forças começaram a falhar e ele não podia esperar mais nada.  Seus dedos relaxaram e, soltando a corda, ele caiu…  15 centímetros abaixo de seus pés, em terra firme.  Era apenas um ardil dos ladrões para ganhar tempo e escapar.  Ele, ao livrar-se da corda, não encontrou a morte e sim a segurança que estava bem ali, junto dele, durante todo o tempo de terror.

Talvez nunca tenhamos passado por momentos de desespero como o personagem de nossa historieta, mas, certamente, já enfrentamos situações aflitivas desnecessárias simplesmente porque não confiamos no nosso Deus.  Achamos que tudo está perdido, que não há solução para nossos problemas, que a derrota ou o fracasso já estão consumados.

Mas não é isso que nos promete o Senhor.  Ele sempre nos diz que por mais que as circunstâncias pareçam adversas, por mais que não consigamos ver uma luz no fim do túnel, por mais densa que seja a escuridão em que nos encontremos, Ele sempre estará ali, ao nosso lado, companheiro, amigo, fiel, inseparável.  A derrota é certa?  Não!  Somos mais do que vencedores.

Os ardis do mundo tentam nos aterrorizar, mas o Deus de nossa salvação nos oferece a paz e a certeza de que, logo, logo, voltará a brilhar a luz de nossas bênçãos.

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Um Novo Ano De Decisões Certas



"esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim"
                                                           Filipenses 3:13

Um jovem, com 32 anos, foi designado Presidente do banco. Ele jamais poderia imaginar que seria indicado para tal cargo, muito menos com aquela idade. Ele procurou o Presidente honorário da Diretoria e disse: "Sabe, acabei de ser designado Presidente. Eu estava me perguntando se você poderia me dar algum conselho". O homem idoso lhe disse apenas duas palavras: "Decisões certas!" O jovem esperava muito mais que isso e continuou: " Seu conselho é realmente útil e eu o aprecio muito, mas, poderia ser mais específico? Como eu posso tomar decisões certas?" O velho sábio respondeu simplesmente: "Experiência". O jovem então falou: "Bem, é exatamente por isso que estou aqui. Eu não tenho o tipo de experiência de que necessito. Como eu adquiro essa experiência?" A resposta veio imediatamente: "Decisões erradas!"

O novo ano está chegando e o Senhor nos designou para ocuparmos o cargo de vitoriosos e felizes. Este é o nosso grande propósito, o nosso maior anseio. Queremos um ano melhor, queremos harmonia em nossa casa e junto aos amigos, queremos realizar nossos sonhos, queremos alcançar a tão esperada felicidade.
 E como poderemos ter tudo isso? A resposta é simples: precisamos tomar decisões certas.

E como poderemos ter certeza de que tomaremos as decisões corretas? Buscando a experiência das decisões erradas do ano anterior. O Senhor estará ao nosso lado para nos mostrar onde erramos e qual a nova decisão a tomar.
Se fomos precipitados em algum momento, buscaremos a orientação do Senhor para cada novo passo a dar.
 Se percorremos caminhos equivocados, deixaremos o Senhor nos conduzir pelos corretos.
 Se fomos negligentes e indiferentes à vontade de Deus, procuraremos colocar o Senhor Jesus em primeiro lugar.
 Se a nossa confiança esteve sempre em nós mesmos, exercitaremos a fé e reconheceremos que sem Cristo nada podemos fazer.

A experiência dos erros passados nos ajudarão a conquistar grandes vitórias e o novo ano será repleto de muita alegria e felicidade.

Jesus Cristo deve ser nosso Amigo inseparável, todos os dias. Dessa maneira, o novo ano será o melhor de toda a nossa vida.

Feliz Ano Novo para todos!

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Você já comprou os Fogos de Artifício?





“Entrega teu caminho ao Senhor, confia nele e o mais Ele o fará” (Salmos 37:5)


Para muitos o Ano Novo é uma época de expectativas e uma nova perspectiva. As tristezas e dores do ano concluído vestem-se agora de esperança.

Para outros não muda nada além da data do calendário; tudo continua como antes. Os mesmos problemas, as mesmas adversidades… o “ano velho” não termina em dezembro, assim como o “ano novo” não começa nunca.

No entanto, ninguém observa o 1.º de janeiro com indiferença. Nesta época sempre estamos mais reflexivos. Nossas reflexões podem estar centradas na esperança, ou no medo.

O medo do novo, do desconhecido, do futuro imprevisível ou dos desgostos já previsíveis. Lembremos das palavras do salmista: “Entrega teu caminho ao Senhor, confia nele e o mais Ele o fará”.

Descansemos em Deus a nossa vida e dediquemos a Ele o “Ano Novo”, investindo tempo diário com Ele na leitura da Palavra e em oração. E que assim, sintamos que em nós é “ano novo” permanente e possamos dedicar “a Deus o ano novo”

Eu já tracei minha meta para 2015: Prosseguirei em tentar ajudar um número expressamente maior de pessoas a terem um caminhar diário na presença de Deus, e a poderem descobrir o privilégio de passar um tempo especial com o Autor da Vida.


“...Ano Novo tem cheiro de esperança misturada à pólvora dos fogos de artifício que usaremos para celebrar nossas conquistas...”

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Feliz Natal



Que neste Natal...

você abra seu coração...sonhe... deseje... ame...

sorria... fique feliz... volte a ser criança...e pense em Jesus, o aniversariante desta festa

Desejo a você que está aqui hoje e que sempre visita o blog, um Natal cheio de paz, amor e felicidade.

Que o Papai do Céu ( e não o papai noel ), que é infinitamente poderoso e ama você imensuravelmente, conceda a você aquilo que o seu coração mais deseja,

Que Ele permita que seus sonhos se realizem...

Que você seja capaz de continuar a sonhar...

Que a PAZ do Senhor esteja em seu coração, em sua família...

Que você faça deste Natal o maior Natal de sua história...

Que neste Natal, você contagie todos ao seu redor com seu sorriso...

Que Deus possa ser glorificado através da sua vida

Deixe Jesus nascer em seu coração!

F E L I Z N A T A L !

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...